Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
×
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
×
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
×
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
×
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
×
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
R$ 70,00 FRETE GRÁTIS!
18× de R$ 5,09
vezesparcelatotal
sem jurosR$ 70,00R$ 70,00
R$ 36,58R$ 73,16
R$ 24,74R$ 74,22
R$ 18,83R$ 75,32
R$ 15,28R$ 76,40
R$ 12,92R$ 77,52
R$ 11,23R$ 78,61
R$ 9,97R$ 79,76
R$ 8,99R$ 80,91
10×R$ 8,20R$ 82,00
11×R$ 7,56R$ 83,16
12×R$ 7,03R$ 84,36
13×R$ 6,58R$ 85,54
14×R$ 6,19R$ 86,66
15×R$ 5,86R$ 87,90
16×R$ 5,57R$ 89,12
17×R$ 5,31R$ 90,27
18×R$ 5,09R$ 91,62
Você poderá escolher o número de parcelas ao concluir a compra.

* Isto é uma simulação, verifique o valor final das parcelas no intermediador de pagamentos.

vezesparcelatotal
sem jurosR$ 70,00R$ 70,00
Você poderá escolher o número de parcelas ao concluir a compra.

* Isto é uma simulação, verifique o valor final das parcelas no intermediador de pagamentos.


Adicionar ao Carrinho
"Minha mãe nasceu na Fazenda da Taquara, em Jacarepaguá, e era filha do Barão de Taquara com a minha avó, que era escrava. Quer dizer, sou neto de barão; torço, inclusive, para restabelecerem a monarquia, porque provavelmente serei Visconde de Manguinhos, por exemplo... (risos) Duque de Bonsucesso, qualquer coisa desse tipo. O Fonseca de mamãe é do Barão Fonseca Telles. Mamãe foi criada pela baronesa. E isso é muito engraçado, muito curioso, e a gente vê isso na novela da Globo.
NB – Ele reconheceu a filha?
SO – Ele reconheceu a filha, não só a mamãe, mas todos os outros filhos. Então, era muito curioso que eu conheci cinco filhos do barão, quer dizer, cinco irmãos de mamãe com outras escravas. Ele era um homem terrível, eu não herdei esse lado do meu avô..."

Sebastião José de Oliveira era pesquisador, professor e entomólogo de renome internacional, tendo iniciado sua carreira científica em 1939, pelas mãos de seu orientador Hugo de Souza Lopes, dipterólogo, que trabalhava na seção de Helmintologia, chefiado por Lauro Pereira Travassos. Conheci-o em 1960, quando ingressei no Instituto Oswaldo Cruz (IOC) para participar de um curso de especialização em Entomologia. Como fui o único a me apresentar, o curso foi cancelado e eu convidado a ser estagiário da seção de Entomologia. Sebastião era caracterizado pelo seu saber entomológico e pela sua placidez no trato com as pessoas. Convivi com ele nesse ambiente por dez anos, pois, no dia 1º de abril de 1970, o governo revolucionário baixou o Ato Institucional nº 5, cassando os direitos de dez cientistas do IOC, dentre eles, Sebastião. Hugo e Sebastião levaram suas coleções de insetos para fora do Instituto um dia antes da proibição de sua entrada no campus e depositaram-nas no Museu Nacional. Fiquei com a responsabilidade de todo o acervo. A cassação acabou com uma era para a Entomologia do Instituto Oswaldo Cruz. Em 1986, os pesquisadores foram reintegrados ao IOC e Sebastião convidado para a curadoria da Coleção Entomológica, e indicou a Dra. Maria Luíza Felippe-Bauer como curadora-assistente, tendo também como braço direito a Dra. Maria Conceição Messias, colaboradora e assistente desde 1989, que com ele publicou cerca de nove artigos sobre quironomídeos. Dedicava-se também na divulgação da Coleção para professores e alunos do ensino médio através de visitas guiadas: “Projeto Café na Coleção” e “Insetos na Varanda”. O falecimento do Dr. Sebastião deixa um vácuo no trato da Coleção Entomológica do IOC, iniciada por Oswaldo Cruz, em 1901. Resta a esperança de que a administração do IOC possa encontrar um entomólogo com amplo conhecimento taxonômico para administrar o futuro da Coleção Entomológica com um acervo de mais de três milhões de exemplares.
Dr. José Jurbert,
Departamento de Entomologia do Instituto Oswaldo Cruz
Extraído do necrológico publicado na
Revista Brasileira de Zoologia 22 (4):
1219-1224, dezembro de 2005

Sebastião de Oliveira: Um cientista brasileiro
Organização e prefácio de Leila Silva de Oliveira
Apresentação de Paulo Silva de Oliveira
480 p.
16x23cm
ISBN 978-85-7823-231-3
Brochura
R$ 70,00

EM PRÉ-VENDA.
LANÇAMENTO EM 15 DE ABRIL DE 2019 na Livraria da Travessa em Ipanema, Rua Visconde de Pirajá, 572.